Depois de apresentar a contra proposta elaborada pelos farmacêuticos em Assembleia Geral da última quarta-feira (22), o presidente do SINFAR-MS (Sindicato dos Farmacêuticos do Estado De Mato Grosso Do Sul), Luiz Gonçalves Mendes Jr. anunciou que ficou acordado que o índice de reajuste salarial dos farmacêuticos será de 9%, ficando o piso salarial em R$2.474.30. O reajuste será retroativo a contar de 1 junho.

“Muitas categorias estão negociando reajuste abaixo da inflação. Nós pelo menos conquistamos um pequeno ganho real. O sindicato patronal oferecia apenas 6% de reajuste e nós conseguimos os 9%”, ressalta Luiz Gonçalves.

Foram três Assembleias Geral com os farmacêuticos e duas com o sindicato patronal para chegar ao acordo.

Fonte: Capital News